Buscar

“A Prefeitura não fala a verdade”, afirma Leonardo Dias sobre os 300 dias sem pagamentos do FUNDEF


O vereador Leonardo Dias (PSD) utilizou seu tempo de pronunciamento na tribuna da Câmara Municipal de Maceió (CMM) para cobrar o pagamento dos precatórios do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF), que completou - nesta quarta-feira (27) - 300 dias de atraso.


Dias relembrou que, ainda como candidato, o prefeito João Henrique Caldas (PSB), assumiu o compromisso de realizar o pagamento dos precatórios - que giram em torno de R$ 180 milhões - caso vencesse as eleições.


"Hoje completamos 300 dias sem o pagamento do FUNDEF, que foi uma promessa do então deputado JHC, que quando assumisse a Prefeitura de Maceió, pagaria esse dinheiro. São 300 dias que o Município vem protelando injustificadamente sem dizer os motivos que não se paga. Se estamos diante de uma administração que não tem coragem de falar a verdade aos professores, nós temos um problema sério. Espero que o Município tenha honestidade intelectual para dizer a verdade para que as pessoas possam parar de sonhar e vislumbrar aquilo que é a realidade", afirmou.


Segundo Dias, é importante que o prefeito de Maceió dialogue com a categoria e admita as dificuldades que o Município tem para realizar o pagamento.


"Pessoalmente, eu sempre estive ciente sobre a dificuldade de se pagar isso e usei a tribuna para refutar o discurso de que só faltava a Câmara aprovar uma lei enviada pelo município para que a administração pública pagasse, quando se sabe que esse valor só poderá ser pago quando o STF der segurança jurídica para isso. É demagogia se criar uma expectativa em tantos profissionais que merecem receber, mas toda vez não se paga e não se deixa claro os motivos. A prefeitura tem que dizer o que de fato impede de pagar aos professores. Muitos deles estão planejando a vida em cima desse dinheiro e a prefeitura precisa ser clara", complementou.

1 visualização0 comentário