Buscar

Leonardo Dias apresenta Projeto de Lei que pode resolver problemas no Riacho do Salgadinho


O vereador Leonardo Dias (PSD) apresentou à Câmara Municipal de Maceió (CMM) um Projeto de Lei (PL) que tem como objetivo preservar as praias de Maceió e o Meio Ambiente, reduzindo os danos que hoje são causados em função dos resíduos presentes na rede hidrográfica da capital alagoana e que acabam chegando ao mar.


O projeto dispõe sobre a obrigatoriedade da instalação de um sistema de contenção de resíduos sólidos na rede hidrográfica que corta a cidade, sejam riachos, córregos, lagoas e rios, que deságua no mar.


O edil destacou que a poluição das praias tem sido um problema crônico. Ele lembra da situação da Praia da Avenida como o exemplo de uma área que há décadas convive com a invasão de lixo em épocas de chuva, vindos pelo Riacho do Salgadinho.

"A livre passagem de resíduos sólidos pelos corpos d'água de Maceió, como riachos, córregos, canais e rios, é um problema crônico que acarreta danos ao meio ambiente, problemas sociais e sanitários, além de ferir o enorme potencial turístico da nossa cidade. Há muitos anos que as autoridades buscam resolver o problema do Riacho Salgadinho, para ficar no exemplo mais evidente, mas sem sucesso. É verdade que a solução de tal problema é grande e envolve uma variável enorme de questões, mas não se trata de um problema insolúvel. É necessário todo um esforço coordenado dos entes públicos, nas esferas municipal, estadual e federal", pontuou o documento.


As instalações de sistemas de contenção servirão como uma forma de minimizar este problema, pois ajudarão a diminuir a poluição hídrica, além de impedir o acúmulo de lixo que é despejado no mar maceioense. Em agosto de 2020, o vereador esteve em Brasília, onde se reuniu com representantes do Ministério do Meio Ambiente para tratar sobre o assunto.


"As ecobarreiras de contenção na rede , por exemplo, são sistemas que ajudam a impedir o avanço dos resíduos sólidos que são descartados nos cursos de água", finaliza Dias.

4 visualizações0 comentário