Buscar

Leonardo Dias assina carta aberta solicitando pacote de ajuda ao setor produtivo


O vereador Leonardo Dias (PSD) assinou, juntamente com os vereadores que compõem o G11, uma carta aberta com a sugestão de medidas a serem adotadas para minimizar os impactos econômicos da pandemia no setor produtivo.


O G11 se baseou em dados fornecidos pela Fecomércio, que estimou uma perda de mais de R$ 239 mi somente durante o período da fase vermelha do decreto emergencial do Governo de Alagoas. Além disso, o Estado tem uma taxa de 18,6% de desemprego.


As medidas solicitadas pelo G11 ao prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (PSB), prevê:


1. Para bares, restaurantes e hotéis: descontos de 100% do IPTU, isenção total da Taxa de Localização, Funcionamento, Vigilância Sanitária e Taxa de Licença Ambiental referente ao ano de 2021.


2. Para ambulantes e feirantes: isenção da taxa de uso de solo de março a novembro de 2020, além de isenção referente aos meses de março a novembro de 2021.


De acordo com Leonardo Dias, as medidas ajudarão a conter a taxa de desemprego e dar fôlego aos empreendedores.


"O G11 entende que as medidas apresentadas pelo prefeito são insuficientes para reparar os impactos sofridos pelo setor. Nossa intenção é de que a prefeitura se sensibilize com o momento vivido por empresários, ambulantes e feirantes, no sentido de preservar empregos e renda neste momento difícil pelo qual Alagoas atravessa", explicou o edil.


O G11 é formado pelos vereadores Leonardo Dias, Eduardo Canuto, Fernando Hollanda, Joãozinho, Kelmann Vieira, Oliveira Lima, Olívia Tenório, Samyr Malta, Silvania Barbosa, Teca Nelma e Zé Márcio Filho.

6 visualizações0 comentário