Buscar

Leonardo Dias encaminha ofício ao MP solicitando apuração de compras de materiais de saúde em Maceió


Na manhã desta segunda-feira (7), o vereador Leonardo Dias (PSD) retornou ao PAM Salgadinho, em uma nova ação de fiscalização. No local, o edil encontrou novamente uma grande quantidade de insumos sem utilização.


Devido a situação, o edil encaminhou um ofício ao Ministério Público Estadual (MPE), informando sobre os materiais encontrados hoje no PAM Salgadinho e no Almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na semana passada, para que o órgão ministerial possa apurar os fatos.


Segundo informações obtidas pelo vereador, existiram aproximadamente 5 milhões de potes laboratoriais para exames. Em fiscalização passada, Leonardo Dias encontrou diversas caixas com milhares de pipetas no Almoxarifado da SMS.


Todo esse material se encontra armazenado e prestes a deteriorar. Em relação às pipetas, Dias – em indicação feita na Câmara Municipal de Maceió – sugeriu a distribuição desses com outros órgãos de Saúde de outros municípios para evitar as perdas. A pauta foi apreciada e aprovada pela Câmara Municipal de Maceió (CMM) no dia 2 de junho.


O mesmo será feito em relação aos potes de exames laboratoriais. Porém, o vereador compreende que, paralelamente, é necessário que o MPE apure a motivação dessas compras, diante do volume. Por essa razão, foi feita a sugestão ao órgão.


"Nas últimas visitas que eu fiz no almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde, eu vi muitas caixas iguais com pipetas. Deve ter mais ou menos 5 milhões de pipetas. Hoje, eu encontrei uma quantidade muito grande de potes de coletas de urina e fezes. Eu decidi encaminhar uma denúncia ao MP para que eles averiguem quem fez essa compra, se o preço está correto e, principalmente, se essa quantidade absurda é compatível com a população de Maceió", explicou o edil.

1 visualização0 comentário