Buscar

Leonardo Dias se reúne com JHC para discutir ajuda federal para bairros com afundamento de solo


Vereador Leonardo Dias e o prefeito de Maceió, JHC (Foto: Edvan Ferreira/Secom Maceió)

Na manhã dessa sexta-feira, 16, o vereador Leonardo Dias (PSD), que preside a Comissão Especial Para Acompanhamento dos Bairros em Afundamento de Solo (CEPBAS) da Câmara Municipal de Maceió, se reuniu com o prefeito da capital alagoana, João Henrique Caldas, o JHC (PSB), para discutir as possibilidades de ajuda do governo federal para a região atingida pela mineração da Braskem.


Leonardo Dias esteve em Brasília recentemente e conversou com o ministro da Casa Civil, general Luiz Eduardo Ramos. No encontro, que contou com a presença do deputado federal Marx Beltrão (PSD), Dias apresentou a situação de caos social em função das áreas de Maceió que ficaram ilhadas diante da desocupação dos bairros que foram atingidos pelo afundamento em solo.


O vereador destacou que o governo federal tem a dimensão do desastre geológico pelo qual passa a capital alagoana e que foi um dos primeiros entes a demonstrar preocupação com o problema, mas é preciso uma maior participação de ministérios e de órgãos da administração indireta em relação à questão social, “pois, em algumas áreas as pessoas estão ilhadas, sem serviços públicos, sem acesso ao básico e sem perspectivas”.


“Essa tem sido também uma das preocupações da Comissão. Afinal, são pessoas que estão ainda morando nesses locais, mas acabaram ficando sem o mínimo de estrutura necessária. Como não estão inclusas no mapa de risco, não estão sendo realocadas e nem possuem indenizações a receber. Além disso, empresas estão passando por dificuldades diante do processo de realocação, o que tem um impacto enorme em toda a cidade. Sabemos que a Prefeitura não pode resolver esse problema sozinha. Então, como presidente da Comissão tenho buscado articular para unir os atores que podem contribuir com soluções”, colocou ainda o edil.


Em Brasília, o general Ramos se comprometeu com a criação de uma frente, envolvendo órgãos federais, como o Ministério do Desenvolvimento Regional, Ministério da Cidadania, Ministério da Economia, dentre outros, para estudar possíveis políticas públicas de cunho social para a região. “Em breve, o governo do presidente Jair Bolsonaro organizará uma reunião para discutirmos soluções junto a esses órgãos”, colocou o vereador.


Na reunião com o prefeito de Maceió, vereador fez um balanço das atividades em Brasília, tanto a reunião com o Gabinete Civil, como com a CPRM, na busca por estreitar os laços na construção de um trabalho conjunto. “Ajudar a Prefeitura de Maceió nesse momento é de fundamental importância. Anteriormente, já havíamos discutido o teor das reuniões em Brasília com o coordenador do Gabinete de Gestão Integrada dos Bairros, Ronnie Mota, que tem sido sensível ao problema enfrentado por essas pessoas. Unir forças é o caminho para ajudar aos que se encontram em extrema dificuldade e vulnerabilidade nesse momento”, frisou.


O prefeito JHC – durante a conversa com Leonardo Dias – destacou a importância desse diálogo e da composição dessa frente. O chefe do Executivo municipal frisou que se fará presente na reunião que será agendada pelo governo federal, por meio da Casa Civil. Segundo JHC, o envolvimento maior desses agentes públicos na questão enfrentada pela capital alagoana é de vital importância, pois não se trata apenas da questão geológica, mas de uma tragédia que atinge mais de 50 mil pessoas.


“Aqui não se trata de uma questão de posição política A ou B em relação à Prefeitura. Mas sim de buscar ajudar na questão com foco em quem mais necessita, que é a população de Maceió. Esse é o compromisso do mandato, independente de qualquer cor partidária”, finalizou o vereador Leonardo Dias.

6 visualizações0 comentário